sábado, 21 de junho de 2014

Maravilha!


A Lâmina afiada cortava a grama e daqui de dentro, podia sentir o cheiro de mato fresco de que tanto gosto.
Respirei fundo uma, duas, mil vezes querendo sorver esta maravilha que me desperta e que me remete a um mundo melhor, mais leve e mais suave que desliza dentro de mim como seda pura ao vento.
Seda que rodopia num bailado aéreo, ganhando espaço, desenhando formas loucas de uma coreografia improvisada que mais parece um clássico, bem ensaiado em muitos palcos.
Cheiro de mato fresco, ainda úmido da breve chuva, aroma de  terra e vida que me sustenta e me faz feliz.
Maravilha, hoje começa o inverno e eu estou viva e você também!!!!!!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário