Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2009

ATO HARMONIOSO

Através do reconhecimento das posturas viciadas e da imediata alteração frente à compreensão consciente, que leva a criatura a ver-se em inúmeras outras situações como flashes subjetivos cujas ações e reações foram rigorosamente iguais.

Um instante milagroso se apresenta no momento de cada reconhecimento e, então, a criatura, a partir daí, passará toda a sua existência reconhecendo, e como um ourives zeloso, ourivará cada emoção.

O importante fundamental neste processo, no qual o profissional deve se ater, é quanto as intenções da criatura em questão em relação a sua disposição em querer verdadeiramente aperfeiçoar-se, que chamamos de “busca da plenitude”, que não tem um tempo determinado para se atingir, mas que é alcançada no instante em que a criatura diz a si mesma, sem camuflagens.

--

SILÊNCIO BENDITO

O silêncio é bendito, pois permite que os sons universais sejam ouvidos.

Não se pode separar a qualidade vivencial da consciência existencial, simplesmente porque esta consciência é determinante quanto as posturas, que por sua vez determinam o viver quanto a qualidade desta com o próprio elemento, e deste com o todo que o cerca.

Aí, então, percebe-se o ciclo.
A compreensão se faz não através de reconhecimento intelectual, mas do ato simples, despojado e absolutamente natural em assimilar informações recebidas através dos sentidos e inseridas em suas vivências de forma harmoniosa.

--

Ourivando

Passo a passo, devemos aos poucosir nos deixando enxergar, permitindo-nos o direito em restaurar-nos, passando a vivenciar o entendimento de nós mesmos e do tudo do todo no qual estamos inseridos.A tarefa maior de nossas vidas é justo nos tornarmos garimpeiros e ourives de nós mesmos e quando percebermos que, finalmente, além de exercermos qualquer outra tarefa, a esta, garimpar e ourivar sempre estará atrelada, aí sim, teremos atingido o êxtase da grandeza de nosreconhecermos um ínfimo elemento neste contexto universal. Existir e vivenciar esta existência fica mais leve, porqueao garimpar, extraímos, e ao ourivar, moldamos, criando com todos os recursos disponíveis e reconhecíveis, onde não há necessidade de nuances desnecessárias, que irão nos transformar a cada instante em mestres de nós mesmos, artistas universais.A sabedoria universal não é fruto exclusivista e sim resultado concreto de parcerias bem intencionadas. É preciso, no entanto, não esquecer que cada elemento tem a sua p…

A cada amanhecer

foto: mocambique3.blogs.sapo.pt

Sentada em minha varanda, neste amanhecer lento de inverno, faço o que mais gosto, que é observar a chegada dos pássaros, praticamente um a um na variedade de suas espécies, alguns mais agitados e ariscos que outros. São os meus cantadores do universo, que sem pedir licença invadem meu quintal, pousam em minhas árvores, num abuso aparentemente sem limites que naturalmente me fascina.

São estas criaturinhas de aparência frágil que, a cada amanhecer, reabastecem o meu imaginário, pois me aproprio de suas asas, também sem pedir licença e simplesmente vôo na busca constante do alpiste nutridor, que guardo seguro no fundo de mim mesma. E nesta troca cotidiana, ambos nos alimentamos, reabastecendo cada qual as suas necessidades numa interação perfeita, certamente onde o "me dê licença" não existe, porque de verdade não há invasão de limites .

E nesta troca de energias fantástica onde sou tão beneficiada, sorvo a vida na sua mais pura expressabilidade,…

Espelho Cruel

São cinco horas da manhã, já estou escrevendo e como de costume nada planejo, deixando a mente limpa enquanto espero a água ferver para preparar um café que, certamente, me estimulará neste começo de dia.

Entre a sala e a cozinha, sou obrigada a atravessar um corredor onde tenho um espelho na parede, e querendo ou não me vejo refletida.

Esta rotina, até então, havia passado sem qualquer importância maior, entretanto, há alguns instantes, parei e me olhei observando que o tempo produz estragos para nós, criaturas tão apegadas à beleza estética. E aí, também como de costume, a mente imediatamente recomeçou sua mais apreciada função, que é justo, pensar. E pensando no quanto envelheci, consolo-me dizendo a mim mesma que ainda estou simpática, se bem que para uma mulher este argumento não é lá muito generoso. E aí, penso que envelhecer pode, de repente, não ser assim nenhuma tragédia se ainda se está saudavelmente repleto de energias, o que não tenho visto com frequência nos jovens que, en…

Abraçando a Vida

O sentir da vida de cada um de nós começa a partir do despertar
da consciência de se estar vivo, acreditando que a nossa tarefa mais
importante seja ministrar adequadamente toda essa vida buscando
estímulos adequados, respeitando nossas limitações sem culpas,
perdoando cada deslize que venha ocorrer no processo e não perdendo
o entendimento das dimensões de cada necessidade que surja no nosso
cotidiano.

O nosso ofício maior é o ministério de nossa própria vida,
resgatando através da reeducação do nosso vivenciar a nossa
sensibilidade bioenergética, através da qual adentramos em nós mesmos
e donde extrairemos as revelações que justificarão as nossas posturas,
assim como daremos a elas consciência da vivência atual sem
camuflagens, levando-as à harmonia do reconhecimento de cada
instante, não como se ele fosse o último, mas certamente o único,
precioso, insubstituível e irrecuperável momento de vida.

--

Gestão Pública

Ontem, dia 07 de julho, compareci a uma reunião em Amoreiras, Itaparica. O convite foi feito pela secretaria de ação social daquela cidade. A condução da pauta ficou a cargo da Sra. Lúcia -secretária - e de sua colaboradora, Sra. Márcia - assistente social.
Em dado momento, comecei a perceber a total desnecessariedade daquele encontro com os munícipes e me lembrei dos inúmeros outros em que havia estado presente, cujos resultados foram inexistentes, pois a pauta estava fora do contexto da realidade de cada criatura participante, que no mínimo desejava interagir, consciente de que suas reivindicações seriam ouvidas e atendidas, na medida do possível.
Mas como, se gestão após gestão os problemas só crescem?
De que se adianta pedir isso ou aquilo, se na realidade só é feito o que para a gestão é possivel?
Percebem a perda de tempo?
Não seria mais lógico, fazer-se essas reuniões para expor aos munícipes suas possíveis e realizáveis ações?
Creio que no mínimo, diminuir-se-ia o grau de decepção, …

Constatação

Como uma persistente observadora, não posso deixar de expressar a decepção que venho sentindo em relação a total não participação através dos comentários neste blog. Somente três pessoas registraram o recebimento, justo por serem queridos amigos, além de uma escritora. Em um universo de cerca de 200 outras, não houve sequer qualquer atenção quanto a gravidade do assunto que estou tratando, o que me faz pensar que a situação alienatória das consciências está mais grave do que se poderia imaginar, se for levado também em consideração que um número expressivo dessas pessoas são profissionais diretos da saúde mental ou educadores.
Não tem havido sequer reações discordantes ou qualquer aditivo de curiosidade em querer saber, afinal, quem eu sou ou porque escrevo sobre as emoções e a educação tão intrinsicamente ligada à uma violência cada dia mais aprisionadora.
A priori, esta falta de participação poderia sugerir um desânimo, entretanto, se assim fôsse a muito eu teria desistido, pois ao l…

Redescobrindo os Sentidos

A reeducação vivencial,visa buscar o equilíbrio através do conhecimento de si mesmo, afinal é preciso que a criatura não ignore a certeza absoluta de que o seu corpo, a sua mente e o ar que ela respira são seus únicos parceiros permanentes, literalmente inseparáveis em sua jornada de vida.
O despertar do vínculo interativo e conciente com seus próprios recursos deve ser acompanhado do estímulo às atividades sensitivas, tornando-se fundamental quanto aos resultados positivos da busca harmoniosa de uma vivência mais adequada às suas próprias necessidades.
Os exercícios respiratórios passam a ser prioritários, na medida em que são os únicos meios práticos, naturais e instantâneos de se proceder as faxinas emocionais que se refletirão na totalidade da criatura como um todo.
Os efeitos são imediatos e, a partir daí, automaticamente, todas as energias universais encontrarão canais circulatórios menos obstruidos, proporcionando um fluxo mais harmonioso entre o RECEBER e DOAR, ou seja: INSPIRAR …

Coerência Existencial - Parte III

Estas emoções totalmente inadequadas a uma harmonia físico-emocional nos coloca em desequilíbrio,fazendo-nos absorver cada vez mais,nutrientes inadequados e consequentemente,devolvemos na mesma proporção ao universo,criando-se, assim,um ciclo simbiótico.
Inteligente é toda aquela criatura que dotada de criatividade dedica-se a viver,pincelando seus ideais em matizes de luz e cores,pois não existem portas e tão pouco paredes que isolem uma criatura que verdadeiramente esteja integrada à vida.

Coerência Existencial - Parte II

Coerência Existencial é passar a crer que somos infinitos em nossas grandezas individuais, com capacidade também infinita de interagirmos com o ciclo da vida, podendo a cada milionésimo de segundo proporcionar à tudo que representa vida, vibrações preciosas de participação de luz, mantendo assim enriquecida a memória emocional do universo.
É despertar a mente para compreender melhor suas posturas pessoais, buscando o reconhecimento das afinidades e procedendo a uma faxina pessoal onde o não necessário seja descartado.
A partir dessa iniciativa, passa-se, então, a uma troca permanente de vibrações harmoniosas entre a criatura e o universo, onde o tudo do todo está inserido.
Este processo acontece naturalmente, através dos sentidos, em forma de filtragem de reconhecimentos absorcivos, pois toda criatura, seja humana ou não, é um campo fértil, repleto de recursos sempre prontos a receber e a doar. Por quase todo o tempo os sinais dos sentidos são desconsiderados pela criatura humana em rela…