sábado, 18 de fevereiro de 2017

SÓ PENSANDO

Estou aqui sentadinha frente a tela do computador em branco, instigando-me a escrever algo, mas como para fazê-lo, preciso de argumentos sólidos à minha mente, penso então, que de verdade, corro o risco de sentir inveja dos atrevidos e insolentes que possuem amebas no lugar de neurônios e plumas coloridas no lugar do senso lógico e de oportunidade e até fazem um certo sucesso, justo porque, como são impiedosos franco atiradores, ameaçam chantageando o distraído com suas loucuras ou mesmo estupidez. Se eu conheço pessoas assim, certamente você que me lê, também já teve a oportunidade de conhece-las e aí, Deus nos livre da convivência com uma delas, todavia, há quem delas se utilize, sem pensar no depois, numa inconsequência absurda, pondo em risco sua própria credibilidade, pondo em risco sua liberdade. E mais uma vez, recorro a Castro Alves, sábio poeta que fitando o céu em desespero, questionou Deus, poetando divinamente. ”Senhor Deus dos desgraçados! Dizei-me vós, Senhor Deus! Se é loucura...se é verdade Tanto horror perante os céus”?!

Nenhum comentário:

Postar um comentário