sexta-feira, 21 de abril de 2017

EQUILÍBRIO, RAZÃO e AMOR...



Não há qualquer possibilidade de imprimirmos equilíbrio em nossas vidas, se não adicionarmos às nossas atitudes o senso da busca constante da razão, com embasamento amoroso, fazendo de nossa mente um celeiro de intenções harmoniosas.
Não é uma tarefa fácil, já que o sistema cruel nos contamina por todo o tempo, arrastando-nos à labirintos, que quando não nos cegam, no mínimo embaçam o nosso entendimento, oferecendo perfis falsos que nos induzem ao engano.
Toda mudança, seja lá do que for, precisa começar através das atitudes individuais, abrindo espaço para que a luz da razão adentre e possa se expandir chegando aos mais próximos como estímulo à uma possível também mudança.
E assim, o colar bendito da esperança passa a se tornar realidade, através de cada pérola a ele adicionado.
Se queres te livrar do lixo, não o jogue a teus pés.
Se precisas da água que te permite vida, não desperdice, não a jogue fora.
E se buscas a decência pública em prol do bem comum, dispa-te da ganância, da vaidade, da inveja e da inconsequência, tornando-te um exemplo inspirador.

Regina Carvalho – 04/2017.

Nenhum comentário:

Postar um comentário